Clique nos planetas para ir direto para eles
Home > Observando o Sistema Solar

Busca no site:

Peça já o seu e-mail (nome@astronomia.web.st) do Astronomia na Web, com Tecnologia do Google. Acesse o Formulário de Solicitação e garanta o seu.




Observando o Sistema Solar

   Você não precisa ter a sua própria Voyager para observar o sistema solar. Você pode ver grande parte dele no seu próprio jardim. É claro, que você não verá as fantásticas imagens que a NASA recebe, mas você pode ver com seus próprios olhos. Se você gostou do Os Nove Planetas, saia é dê uma olhada naqueles corpos sobre os quais você acabou de ler. Você ficará impressionado como esta simples visão pode ser tão recompensadora.

   Para encontrar os planetas, você precisará saber onde olhar. Procure na Sky & Telescope ou alguma revista parecida para verificar a posição atual ou busque em algum dos vários Web sites que mostram as posições planetárias. Um programa planetário pode também ser útil, especialmente para objetos de rápida movimentação como luas e cometas. Uma simples carta celeste ou planisfério é um bom modo de encontrar as estrelas mais brilhantes e as constelações, mas não ajuda muito com os planetas. Você agora já pode contar com o aplicativo para o iPhone Emerald Chronometer.

   As tabelas abaixo estão ordenadas pela magnitude visual ("Vo"; números maiores são menos brilhantes); isto é o brilho máximo que o objeto produz (geralmente quando está mais perto da Terra). "Data" é a data da descoberta.

Olho Nu

Você pode ver 99.99% da massa do sistema solar sem usar qualquer instrumento.

 

NomeVo
Sol -27
Terra
Lua -13
Vênus -4,4
Júpiter -2,7
Marte -2,0
Mercúrio -1,9
Saturno +0,7
Notas:
  • Nunca olhe diretamente para o Sol! Sempre use um filtro solar especial projetado especificamente para observações solares.
  • FAQ sobre Observação Solar por Jeff Medkeff
  • A Terra realmente conta? Somente os astronautas da Apollo já viram a Terra de longe o suficiente para vê-la como um globo.
  • Aqueles com bons olhos (especialmente as crianças) e com céus escuros podem também ver alguns dos objetos vistos normalmente só com binóculos.

Binóculos

Um simples binóculos é de longe o instrumento ótico com a melhor relação custo-benefício. Por algo em torno de Us$200 você pode comprar um instrumento ótico melhor do aqueles que Galileo ou Newton tinham. Você achará muito mais fácil se você arranjar um suporte estável para seus binóculos (tipo um tripé).

 

NomeDataVoDescobridor
Ganymede 1610 4,6 Galileo Galilei
Io 1610 5,0 Galileo Galilei
Europa 1610 5,3 Galileo Galilei
Urano 1781 5,5 William Herschel
Callisto 1610 5,6 Galileo Galilei
Netuno 1846 7,8 Johann Gottfried Galle
Titan 1655 8,3 Christiaan Huygens
Nota
  • Olhar para o Sol com binóculos mesmo por uma fração de segundos pode queimar a sua retina. Seja muito cuidadoso, especialmente quando observar Mercúrio.

Telescópios Amadores

Se você que ver algo mais um modesto telescópio revelará muito mais luas. As primeiras na tabela abaixo são mais fáceis de ver, as últimas são consideravelmente mais difíceis. Um céu bem escuro é essencial.

 

NomeDataVoDescobridor
Rhea 1672 9,7 Giovanni Domenico Cassini
Tethys 1684 10,2 Giovanni Domenico Cassini
Iapetus 1671 10,2 Giovanni Domenico Cassini
Dione 1684 10,4 Giovanni Domenico Cassini
Phobos 1877 11,3 Asaph Hall
Enceladus 1789 11,7 William Herschel
Deimos 1877 12,4 Asaph Hall
Mimas 1789 12,9 William Herschel
Triton 1846 13,5 William Lassell
Plutão 1930 13,6 Clyde W. Tombaugh
Titania 1787 13,7 William Herschel
Oberon 1787 13,9 William Herschel
Amalthea 1892 14,1 Edward Emerson Barnard
Ariel 1851 14,2 William Lassell
Hyperion 1848 14,2 William Cranch Bond
Janus 1966 14,5 Audouin Dollfus
Umbriel 1851 14,8 William Lassell
Himalia 1904 14,8 C. Perrine
Notas:
  • Phobos e Deimos são mais difíceis de ver do que pode parecer já que elas estão muito próximas de Marte (e as magnitudes acima são para oposições favoráveis)
  • O mesmo se aplica para Amalthea e Janus.
  • O brilho de Iapetus varia muito à medida que ele gira, de 10,2 a 11,9 ou menos.
  • A ordem de descoberta pode ser um melhor guia para escolher o que ver ao invés da magnitude.
  • FAQ de Marte para astrônomos amadores

Outros objetos

   É claro, o sistema solar tem mais do que apenas planetas e luas. Todo ano existem cometas que podem ser vistos com pequenos telescópios e geralmente um ou dois que podem ser vistos com binóculos. Ocasionalmente existem cometas visíveis a olho nu como o Hale-Bopp que estava tão espetacular em 1997.

   É fácil ver alguns dos mais brilhantes asteróides com binóculos. Algumas centenas podem ser vistos com pequenos telescópios. E mesmo ainda hoje em dia, muitos asteróides e cometas são descobertos por astrônomos amadores.

   Se você estiver fora em uma noite de céu claro, você provavelmente verá um meteoro. Você pode ver dúzias de meteoros se você pegar uma das chuvas de meteoro regulares.

   Você pode mesmo ver o meio interplanetário se você estiver perto o suficiente aos pólos para ver uma aurora ou ver a luz zodiacal ou o gegenschein.

   Você pode também ver as estrelas 51 Pegasi, 70 Virginis e 47 Ursae Majoris que provavelmente tem seus próprios planetas, embora é claro, você não verá os planetas.

Imagens

(tiradas com telescópios amadores)

Onde ir em Seguida


Contents ... Outros ... Observando ... Espaçonaves ... Astronomia na Web

Copyright © 1994-2017 by William A. Arnett; última atualização: 02/10/2010


Traduzido por Luis Gustavo Gabriel